Blu-rays piratas invadem o Brasil

Todos sabem que o BJC é um site especializado em produtos originais e colecionáveis, e que colecionador DE VERDADE não coloca produto falsificado na coleção. Já afirmei anteriormente que a pirataria é um problema cultural do brasileiro e não será do dia pra noite que ela sumirá. Mesmo assim, essa notícia nós não poderíamos deixar passar.

O leitor do BJC Alessandro Oliveira encontrou, no centro da capital paulista, diversos títulos em Blu-ray de procedência NADA duvidosa. E este não é um fato isolado: outros relatos chegam ao BJC com o mesmo acontecimento em Brasília e Rio de Janeiro.

Cada Blu-ray custa R$15,00 e são vendidos nos mesmos envelopes de DVD.

Fiquem com algumas impressões e imagens do Alessandro:

Ontem encontrei um camelô vendendo vários Blu-rays piratas no centro de SP.
O “legal” é que como a TV do cara exibia Avatar em BD com uma imagem muito nitida, muita gente se impressionava e perguntava “o que era“, enquanto o vendedor pacientemente explicava esta é uma nova tecnologia, diferente do DVD. Outra coisa curiosa é que a “especialidade” do cara era em vender titulos rental (locação) em DVD e não os normais blockbusters disponíveis em qualquer esquina.

Sobre o Avatar em Blu-Ray, o cara me explicou que não era nescessário nenhum destravamento do aparelho, no entanto, percebi que de inicio, o filme dava pequenas “travadinhas”, mas depois de um tempo ele avançou o filme e as travadianhas pararam. A imagem era nitida, chamando a atenção de quem passava, com um azulado cristalino, mas olhando atentamente era possível perceber artefatos digitais semelhantes aos do DVD, mas sem que parecessem “borrões”.

De longe já dá pra ver a TV com Avatar!


As pessoas perguntando: “o que é isso?”


O “acervo” nos famosos sacos plásticos!



O material: repararam que tem até Digital Copy? 😛

Sinal de popularidade do formato ou apenas mais um produto falsificado na cultura brasileira?

Certo MESMO é que a pirataria chegou ao mundo do raio azul. Para aqueles que duvidavam ou pregavam que isso era impossível, aí está a prova do contrário.

Agora, mais do que nunca, as produtoras nacionais precisam investir em produtos colecionáveis e de qualidade, pois só o colecionador fiel ao produto original pode salvar o mercado de varejo no home video brasileiro.

E eu não gostaria de estar na pele dos donos de locadora neste momento (novamente).

Categorias: Blu-rayDestaqueNotíciasProtestos

Tags: ,

Sobre o autor

Jotacê é viciado em DVDs desde 2004 (começou tardiamente, na idade do metal discóide furado). Hoje em dia compra poucos DVDs para investir mais nos discos do raio azul (que coleciona desde 2008). Resolveu ter um site em 2008 para que fosse possível publicar tudo o que pensava sobre os disquinhos lançados no Brasil. E cá estamos nós! Twitter | YouTube | Flickr | Coleção
  • Isso era questão de tempo para acontecer, e sejamos sinceros que demorou até mais tempo para o Blu-ray ser pirateado do que o DVD.

  • mprlibonati

    É triste ver que o povo brasileiro infelizmente colabora com esse tipo de crime…

  • Sorcerus

    Aprendemos que a forma de combater os abusivos preços, nos produtos vendidos aqui no Brasil, não é incentivando a pirataria, e sim comprando no mercado internacional. Mesmo sofrendo taxação, ainda obtemos produtos que nunca serão lançados no país (steelbook, digibook, giftset, etc).

  • DiCassius

    Tá.. senti vontade de chorar lendo isso!

  • Marcelo Dias

    Achei que nunca iria pensar dessa forma mas fiquei chateado ao saber que estão pirateando BD.
    Pois a industria pensa da seguinte maneira: “Se pirateiam vamos aumentar o preço pra ganhar igual”. Pra mim que compro originais fiquei muito chateado com essa noticia de pirataria.
    Não vi a qualidade mas acho que não deve ser 100%.

  • Cantarelle

    Infelizmente esta prática nunca ira acabar, aqui em Manaus o “maldito pirata” é vendido ao valor e R$ 25,00 e segundo o vendedor ele consegue atender a demanda.

  • Leonardo Deitos

    Só tenho uma palavra pra definir isso:

    Lamentável!

  • Diogenes

    “E eu não gostaria de estar na pele dos donos de locadora neste momento (novamente).”

    A frase mais forte do artigo… que representa a pura realidade. Uma coisa é certa, agora os Players vão “popularizar” de vez.

  • Luiz Pedro

    Não possuo dvds pirata, mas isso acontece pelo preço absurdo que colocam em dvd’s e blu-rays. Enquanto não for acessivel ninguém vai pagar por original ou digo, a maioria. Nós estamos em um país sub-densenvolvido, com muita pobresa e miséria, e onde é uma grande desigualdade social, e nem todos tem 50 reais, 30 reais pra comprar um dvd. Então acho que é só rever como ficar mais acessivel.
    Todos tem que ter oportunidade de ter acesso a tecnologia, seja cd, dvd, livros e outros. O problema das gfavadoras e destribuidoras, é que elas acham que Brasil é Suiça, só que não é.

  • Engano seu meu caro, quando começou a venda de jogos piratas para o XBox 360 a média de preço era de R$30,00 e vendia feito água e foi o que fez o preço dos piratas cair bem rápido. Infelizmente o povo prefere para R$15,00 num produto de qualidade muito inferior do que R$50,00 no original

  • Geralmente essa mídias vem da China junto com as muambas, o que torna as coisas ainda mais baratas, se pagarem por R$5,00 em cada mídia é muito.

    O preço de R$15,00 é por causa da "novidade"

  • Principalmente que os melhores produtos dos colecionadores são importados já que a versão nacional vem inferior e com um preço muito maior do que lá fora

  • This is John Connor. If you are reading this, you are the resistance!!!!

  • Concordo que a matéria deveria ter uma [ATUALIZAÇÃO], pois a mídia não é o verdadeiro blu-ray.

    Mas, como já disse antes, eu nunca comprei nada de camelô em toda a minha vida. E olha que eu já passei necessidade quando estudava e trabalhava. A única coisa que compro "na rua" é pipoca.

  • Adoro olhar pra coleção e ver os estojinhos azuis (sentimento colecionista maravilhoso) e não troco isso por esses saquinhos nojentos de jeito nenhum! ²

  • P.a.r.e.c.e. que a nova "lei" de Direitos Autorais (que pra mim é uma perda de tempo pois o principal que é o prazo absurdo de expiração destes (morte do autor + 70 anos) não irá mudar) irá prever a possibilidade de fazer cópias em casa. Mas a atual já diz que fazer uma cópia pra uso privado é permitido, se não me engano.

    É. .p.e.r.f.e.i.t.a.m.e.n.t.e. .p.l.a.u.s.í.v.e.l. .f.a.z.e.r .c.ó.p.i.a.s. p.r.a. .s.i. .(.d.e. .D.V.D.s. .e. .B.l.u.-.r.a.y.s.). .n.e.m. .q.u.e. .s.e.j.a. .p.r.a. .a.s.s.i.s.t.i.r. .(.s.i.m.,. .A.S.S.I.S.T.I.R.,. .v.o.c.ê. .n.ã.o. .l.e.u. .e.r.r.a.d.o.).,. .u.s.a.n.d.o. .p.r.o.g.r.a.m.a.s. .c.o.m.o. .A.n.y.D.V.D. .e. .D.V.D.F.a.b. .(.D.V.D. .S.h.r.i.n.k. .f.o.i. .d.e.s.c.o.n.t.i.n.u.a.d.o. .h.á. .u.n.s. .6. .a.n.o.s. .e. .n.ã.o. .s.e.r.v.e. .m.a.i.s. .p.r.a. .q.u.e.b.r.a.r. .p.r.o.t.e.ç.õ.e.s. .n.o.v.a.s.).

    • .V.o.u. .d.a.r. .u.m. .e.x.e.m.p.l.o. .(.r.e.a.l.).:. .n.ã.o. .t.e.n.h.o. .P.S.3. .e. .n.e.m. .B.l.u.-.r.a.y. .p.l.a.y.e.r. .d.e. .m.e.s.a… .M.a.s. .t.e.n.h.o. .d.r.i.v.e. .d.e. c.o.m.p.u.t.a.d.o.r (de Blu-ray). O meu monitor e minha placa de vídeo tem a tecnologia HDCP. Mas muita gente não tem equipamentos assim.

      Sem o ..A.n.y.D.V.D.. eu não conseguiria sequer assistir o disco (mesmo comprado, original), no meu PC, não tendo HDCP. Sem o ..A.n.y.D.V.D.. eu também ficaria limitado à alterar a região do drive 5 vezes (seja DVD, seja Blu-ray). Por ex: Região 4, 1, 4, 2,, só aí são 4 vezes.

      Depois de 5 não pode mudar mais nem que você formate a máquina ou ligue o drive em outro PC. Esses programas congelam o contador de alterações. Essa proteção de região já deveria ter sido extinta nos aparelhos/discos.

    • Outra vantagem de ..d.e.c.r.i.p.t.a.r.. seria remover UOPs (operações proibidas) como aquela que não deixa você pular trailers, alterar áudio/legendas durante o filme, e não deixa cortar comerciais idiotas no próprio disco (que o JC comentou 1x aqui, que tinha comprado um DVD infantil e nele vinha um antipirataria que seria impróprio pra menores). O que é até irônico já que o .p.i.r.a.t.ã.o. vem sem tudo isso e o original comprado pelo colecionador, vem com um monte de avisos desnecessários.

      Sem contar o .b.a.c.k.u.p. de segurança, pois se um dia você perder o disco (ainda mais se esse for raro) não perderá seu conteúdo (nos EUA isso é chamado de fair-use, uso justo). No Brasil (piada) até pouco tempo atrás as produtoras pregavam que até mesmo "emprestar" seria .c.r.i.m.e…. elas mesmo interpretam a lei como querem, em seu próprio benefício, já que só pensam em ganhar dinheiro e nas horas vagas bolar novos meios de criminalizar todos.

  • geane

    que absurdooo!! onde andam as autoridades????

  • Compartilho da opinião do Jotacê: isso é um problema cultural.

    Você pode ter certeza que vão ter uns vacilões comprando Blu-Ray pirata por R$ 15,00 e ao mesmo tempo vai rolar alguma promoção com um original pelo mesmo preço em alguma grande loja. E o espertão vai achar que está na vantagem ainda!

    É aquele negócio, as pessoas se acomodam com a pirataria e ela própria vai entregando produtos com qualidade cada vez pior: lembram que antes, pelo menos os jogos e filmes vinham em caixinhas? Agora nem isso…. dado o aspecto de produto descartável, lamentável! Fico feliz que, pelo menos no ramo dos games, consegui influenciar bastante amigos a comprar console e não destravar, para jogar só originais. Tem gente que até tem salvação, mas não age por si só, tem que ter um incentivo de alguém próximo sendo um "pioneiro"

  • Amaury_DusBois

    Junto com DVDs e Blu-rays, sou um colecionador e entusiasta do LP e do CD.

    Por curiosidade, gostaria de saber o seguinte: os que cá condenam o Blu-ray pirata, também compram CDs originais?

  • Verifique o tal blu-ray…Não passa de um container AVCHD gravado em uma midia DVD DL….A imagem até tapeia, mas ainda o BluRay original reina

  • Na china eles pegam um filme MKV e gravam numa midia de dvd comum

    leia materia http://www.techzine.com.br/arquivo/pirataria-de-f

  • Ricardofeitoza

    JC

    Esse papo de que pirataria e um mal do Brasileiro e bem errado.
    Eu Moro no Canada e a maioria das pessoas que conheço por aqui primeiramente nem Blu-ray possuem e em segundo compram filmes piratas todas as semanas. Na promoção saem 5 filmes por $10.
    Nao importa a nacionalidade, conheço familias de canadenses de geracoes( pai, avo, bisavo) e eles Ou compram os pirates Ou entao alum e usam o famoso DVD shrink para ter o filme em tenho amigos portugueses, italianos, jamaicanos, angolanos, espanhois e de varias outras nacionalidades e a maioria nao tem Blu-ray ainda e 90% deles compram somente piratas. Comprar CDs entao nem se fala. Todos somente baixam musica na Internet. Qualquer pessoa que for a qualquer grande cidade Norte Americana vai achar produtos piratas, DVDs sendo vendidos nas calçadas, principalmente nas Chinatowns da vida.
    Muito cuidado antes de culpar o brasileiro que em media ganha muito menos do que o povo daqui!

    Um grande abraço

    Ricardo Feitoza

  • Ricardofeitoza

    JC

    Esse papo de que pirataria e um mal do Brasileiro e bem errado. 
    Eu Moro no Canada e a maioria das pessoas que conheço por aqui primeiramente nem Blu-ray possuem e em segundo compram filmes piratas todas as semanas. Na promoção saem 5 filmes por $10. 

  • Ricardofeitoza

    JC

    Esse papo de que pirataria e um mal do Brasileiro e bem errado. 
    Eu Moro no Canada e a maioria das pessoas que conheço por aqui primeiramente nem Blu-ray possuem e em segundo compram filmes piratas todas as semanas.

  • foi extamente o que pensei! em realidade é um dvd e não um bluray.

  • não creio que isso vá acontecer! se não aconteceu com o DVD por que iria acontecer com o BD? o preço do lançamento, só para locação, em DVD é ainda muito caro. tenta perguntar pra qualquer dono de locadora quanto ele paga por uma cópia em dvd somente pra locação. pra mim, os verdadeiros piratas continuam sendo ELES, as produtoras que elevam os preços. e os donos de locadora sofrem pra poder pagar e atender a demanda de seus clientes! já fui dono de locadora e sei o que falo.

  • Bluray pirata? Puts… puts!

  • Que tal começar a vender pela internet, em forma de download, e a preços menores que na mídia física?

    Isso não ajudaria também?

    Engraçado quem reclama de pirataria: Outro dia (aqui vai um off) eu vi o software Adobe Premiere Pro a "módicos" quase US$ 1 mil pra venda no site, sendo que pra venda (por download) na página da empresa era o mesmíssimo valor!!!!!

    E olha que os "Matroska" (citados nesse post) precisam de uma "gambiarra" pra serem abertos nele (parece que pelo Avisynth), e não abrem direto também no Sony Vegas). Só rindo mesmo de um programa tão badalado ser vendido a preço de ouro e mais caro até que um sistema operacional!

  • Só compro DVD ou BLU-ray de filmes que realmente valem a pena ,ja cansei de jogar dinheiro fora.Joguei centenas de fitas vhs fora ,realmente para um colecionador de caixinhas nada substitui estas edicões especiais
    caríssimas ,eu coleciono filmes, se não acho de uma forma procuro de outra,milhares de titulos em dvd não serão lançados em blu-ray.triste é voce comprar um dvd original com um porcaria de imagem (exemplo: Efeito Borboleta ) pagar caro e hoje ter a disposição na internet Mkv em alta definição.Portanto,o que todos queremos
    é qualidade com preço justo.

  • Tuche360

    Aqui em Brasília, na Feira dos Importados, também estão vendendo Blu-Ray piratas. Vem em caixinha de Blu-Ray mesmo e estão cobrando R$ 25,00. Chega ri quando o cara me disse o preço, e ele ainda querendo jogar os piratas na minha mão. Afff…

  • Hey! Just wanted to say website. Keep up the good work!

  • Adalberto Vieira Do Nascimento

    o que estar aparecendo nas imagens não é blu ray, e sim dvd, blu ray a cor da mídia é marrom escuro, na figura estar mostrando a cor roxa, que é a do dvd virgem