Sistemas de áudio: Receivers

Olá pessoal! Iniciarei neste meu primeiro post um artigo sobre Receivers. Espero que gostem, qualquer dúvida é só escrever nos comentários!

O que é um Receiver ?

Receiver é o equipamento chave de um sistema de Home Theater. É ao mesmo tempo o cérebro e os músculos. Ele recebe os sinais externos (DVD Player, CD Player, Decodificador de TV a cabo, Videogame etc) e decodifica os sinais de vídeo e áudio (DTS e Dolby Digital), separando os canais central, Subwoofer (o “.1” dos sistemas) e as caixas surround. Ele também amplifica os sinais, levando som para as caixas acústicas. Um Receiver de boa qualidade garante que a fidelidade do que foi gravado chegue ao seus olhos e ouvidos sem comprometer a qualidade no processo.

Receiver-rotel
Pré Processador Surround Rotel RSP-1570 e Amplificador Classe “D” RMB-1575:250 Watts RMS @ 8Ohms x 5 canais. Preço do conjunto: U$5.200

Sistema “separado”

Existe um limite de qualidade que um receiver pode proporcionar. Não tem como caber tanta coisa junta num equipamento só e não ter interferências eletrônicas e comprometimento com a qualidade final. Não existe Receiver High End. O salto acima do Receiver são os Componentes Separados. Separando os equipamentos, e cada um sendo dedicado a uma função , a qualidade é insuperável. Tendo um Pré Amplificador / Processador para receber, decodificar e distribuir os sinais a um amplificador externo (Ou vários em caso de amplificadores Monoblocos) se obtém um resultado Fantástico. Pense sempre que quanto mais dedicado for o equipamento, melhor o resultado final.

Qual marca?

Quando passamos de sistemas “In a Box” (esses que já vem com tudo integrado) para Receivers e caixas acústicas separados , de marcas distintas , o sistema pode ter muito mais qualidade e flexibilidade. Quando procuramos um Receiver, a marca faz toda a diferença no resultado final, mas também no preço. Não existe mágica, quanto melhor, mais caro é. Se você está entrando no Home Theater agora e não tem coragem de gastar alguns milhares de reais em um sistema de qualidade reconhecida, vai optar pelos “In a Box”. Não estou por dentro de qualidade e modelos específicos dessa linha de equipamentos, mas sei uma coisa: marca é sinônimo de boa compra quando se trata de equipamentos de áudio e vídeo, portanto, se achou algum sistema de marca popular e gostou, procure mais a fundo e olhe as marcas mais conceituadas, que achará alguma opção muito melhor, as vezes até seminovos em sites como Mercado Livre. Eu sou da ideia que mais vale uma Mercedes usada na garagem do que um carro popular zero km. As melhores marcas para se procurar em sistemas “In a Box” são: Yamaha, Denon e Onkyo. Fuja de LGs, Samsungs, Britannias e Sonys.

ONKYO-HTS3100
SISTEMA IN A BOX ONKYO-HTS3100 :Se estiver a procura de um sistema pronto , os chamados In a Box, opte por marcas como Yamaha, Denon e Onkyo. R$1.700

Mas também existe um ponto em que os Receivers ficam muito caros, por terem muitas funções que nunca usaremos. Vale a pena parar e pensar antes de fazer um upgrade a um receiver mais caro e mais cheio de funções, porque aí entramos na faixa de preço dos componentes separados, como citei acima. Existem Receivers na faixa de U$7.500 dólares (lá fora), e com esse preço compramos sistemas separados com qualidade e resultado melhores. Então o Receiver é nosso intermediário entre sistemas In a Box de entrada e os sistemas modulares (separados), onde se consegue a maior qualidade possível. Procure Receiver de marcas conceituadas como Denon, Yamaha, Onkyo, Marantz, Rotel, Nad e Pioneer. Novamente, fuja das marcas populares como Sony, Philips e LG. Tive um Yamaha durante alguns anos e adoro o som dele, nunca deu problema e foi uma excelente escolha. Já fiz alguns projetos de Home Theater usando os Denons (Receiver e fontes como os DVDs Players e Blu-ray Players) e são os melhores em custo benefício da atualidade na minha opinião.

Pioneer-elite-av-receiver-sc_07
Existe uma divisão da Pioneer chamda “Pioneer Elite”. São Componentes mais refinados e de muita qualidade , quase todos com certificação THX. Ótima pedida!

YHT185B-HR

Sistema In a Box Yamaha YHT – 185.30 Watts RMS X 5, Subwoofer Ativo. Preço Médio R$ 1.900

Como escolher?

Quando for comprar um Receiver procure por dados técnicos óbvios como potência, recursos e conexões, mas também olhe o consumo, que muitos prometem e poucos cumprem. Não tem como um Receiver dar 7 x 100 Watts RMS por canal, se consome 250 Watts de energia. É matemática pura. Então fique atento: algumas marcas mais refinadas como a Rotel estão usando amplificação Classe D, o que diferencia o consumo da potência gerada, mas não é o caso dos Receivers populares. Outro ponto é Distorção Harmônica (THD %) Quanto menor, melhor. Uma taxa de THD de 1% já é absurdamente alta e de baixa qualidade, fuja! Algo com 0,10% é excelente.

Quer potência?

Krell-MRA-Master-Reference

Krell MRA Master Reference Amplifier:
1000 Watts RMS X 2 Ch. @8 Ohms.Peso 298Kg.
U$124.000


Eletrônicos - Submarino.com.br

LOST-BANNER

---------------
Blu-rays preferidos pelos leitores do BJC (todos com legendas em português brasileiro):

Dificuldades em comprar na Amazon? Visite o nosso Guia de Compras no Exterior!

Categorias: DicasHardware

Tags:

Sobre o autor

Julian Conde tem aproximadamente 300 DVDs (com algumas raridades como Silence of The Lambs e Robocop da Criterion Collection) sendo 90% importados Região 1, pois nunca aceitou comprar os DVDs sem recursos como o som DTS e com encarte nacional (quando tem), sem extras, como chegam aqui na nossa “tropicalização”. Criou um Formspring exclusivo para tirar dúvidas dos leitores do BJC sobre hardware.